quarta-feira, 11 de maio de 2011

"Lonely Hearts Club" de Elizabeth Eulberg






Título: Lonely Hearts Club
Tradução de: The Lonely Hearts Club
Autora: Elizabeth Eulberg
Editora: Intrínseca
Ano: 2011
 
 
 
 
       Penny Lane Bloom cansou de tentar, cansou de ser magoada e decidiu: homens são o inimigo. Exceto os únicos quatro caras que nunca decepcionaram uma garota — John, Paul, George e Ringo. E foi justamente nos Beatles que ela encontrou uma resposta à altura de sua indignação: Penny é fundadora e única afiliada do lonely hearts club — o lugar certo para a mulher que não precisa de namorados idiotas para ser feliz. Lá, ela sempre estará em primeiro lugar, e eles não são nem um pouco bem-vindos. O clube, é claro, vira o centro das atenções na escola McKinley. Penny, ao que tudo indica, não é a única aluna farta de ver as amigas mudarem completamente (quase sempre, para pior) só para agradar aos namorados, e de constatar que eles, na verdade, não estão nem aí para elas. Agora, todas querem fazer parte do lonely hearts club, e Penny é idolatrada por dezenas de meninas que não querem enxergar um namorado nem a quilômetros de distância. Jamais. Seja quem for. Mas será realmente que nenhum carinha vale a pena?
 
 
 
 
           Pessoas queridas, como é bom se encantar por um YA que não seja da categoria fantasia, ainda mais quando tem tanta porcaria sendo escrita por aí ( e o que é pior, sendo publicada ).
           Que livro do sonhos é "Lonely Hearts Club"! É romântico sim, é fofo sim, mas nada piegas e cafona. Eu amei a Penny Lane e como ela se transformou no decorrer da estória. Acho que mais legal ainda é ter amado as personagens secundárias também. Os pais "beatlemaníacos" da Penny, o "Grande Idiota Tapado" Nate, as meninas do clube ( todas elas, e olha que eram muitas! ), principalmente a Diane e a Tracy; o Ryan, a Rita e por aí vai.

            Depois de falar dos personagens, resta dizer que a narrativa em primeira pessoa da Elizabeth Eulberg é muito boa. Com tantas histórias se fundindo e muitas reviravoltas, nada ficou perdido no caminho, na minha opinião pelo menos. E como as garotas vão se identificar com essa narrativa! Eu, que nem estou mais no ensino médio ( eufemismo perfeito para minha idade, hahaha ), me lembrei de como as coisas funcionavam se alguma amiga arrumasse um namorado. Até eu mesma. Era abandono de melhores amigas na certa! E como algumas garotas se esquecem de se arrumar para elas mesmas e se arrumam para agradar o namorado, perdem suas identidades... O Lonely Hearts Club, fundado por Penny, é mais do que um clube para meninas com o coração partido.

           Agora falando do Beatles ( yay Fernanda Reis, Mônica Bento e Mariana Azevedo! ). Eu não sou aquela fã, mas eu sempre digo que é porque eu não conheço muito dos Beatles, e, o que eu conheço até agora eu gosto muito. Entre os capítulos do livro tem várias citações de músicas com as quais o capítulo vai se identificar. Achei muito boa a escolha das músicas, afinal não dava para colocar todo o repertório dos Beatles no livro. E também tem vários momentos musicais em meio às reviravoltas na vida de Penny Lane e sua turma, rsrs. Não pude não lembrar de um momento fofo meu com o marido, que permitiu que o caso fosse contado, quando estávamos começando a namorar, num show da banda cover Hocus Pocus, na Universidade Federal de Viçosa, quando dançamos "While My Guitar Gentle Weeps" juntinhos. Awwwwwnnn.

           Então, CINCO estrelas brilhantes na calçada da fama para o livro "Lonely Hearts Club". Lindo, mágico, engraçado, romântico e tudo de bom.

               PS: Esqueci de contar que meus padrinhos e madrinhas de casamento entraram na igreja ao som de "With a Little Help from My Friends" !!!!

               Perdão pela post tão pessoal, gente! Fiquei emocionada com o livro :-\

               Beijo da Marcia

24 comentários:

  1. Aaaaaah que resenha mais fofa! A sua história com o seu marido também :')
    Estou cada vez mais louca pra ler esse livro, só li resenhas boas sobre ele e agora a sua então! Ameeei!

    ResponderExcluir
  2. eu acabei me envolvendo pessoalmente com o livro, aí a resenha ficou assim... medo das pessoas não gostarem...

    ResponderExcluir
  3. Ei Mázinha-igualmente-linda!!!
    Nossa, que quero te guardar num potinho com glitter, pode? Hahaha.. amei a resenha, super master me fez querer ler esse livro djá! E olha que eu tenho uma suave antipatia pelos Beatles, hahaha..

    E não se preocupe, resenha pessoal não é resenha ruim, ok? Eu pelo menos adorei!

    Beijão sua lindona!
    http://felizvrosparasempre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. ah, Mari, só vc msm! Pode me guardar num potinho de glitter, mas eu preferia um globo daqueles de vidro... =P

    ResponderExcluir
  5. Quando saiu a capa do livro, eu de cara me lembrei dos Beatles – óbvio. Mas eu não tinha noção alguma do que tratava o livro.
    Bem, vejo agora que estou com uma dúvida: Eu, como homem que sou, devo ler um livro onde as personagens me odeiam?? Onde as mulheres não querem um namorado? (rsrsrsrs)
    O que você e suas leitoras me dizem...?
    Beijos e abraços.

    Jonathan Henrique
    Follow-me: @Jonathan_HGF
    Visite: http://nomundodealguem.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Jonathan! Essa questão dos garotos se sentirem odiados é tratada no livro! Acho que lendo o livro vc teria sua pergunta respondida! Adorei sua questão, eu poderia ter falado sobre isso na resenha :-\

    ResponderExcluir
  7. Obrigado, Marcia!
    Agora eu vou ler sua resenha de Destino.
    Já, já você receberá mais um comentário!

    ResponderExcluir
  8. Eu não vejo a hora de ler esse livro! \o/ Louca por Beatles! :D

    Quero ler logo, logo, logo! \o/

    Beijos flor.
    Amanda.
    Lendo&Comentando

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que vou gostar do livro, por razões óbvias, né? huahuauha Mas que bom que vc gostou! A história parece divertida (e grita "filme!", pra mim), mas não boba, o que devia ser regra.

    E "Lonely Hearts Club" era a estampa que eu ia fazer pra uma camiseta, se eu fizesse estampas pra camiseta heheh

    PS: concordo com o q vc comentou no twitter, esse "selo Stephenie Meyer de qualidade" já deu, né.

    ResponderExcluir
  10. Oi Marcia tudo bem?
    Menina a capa desse livro é linda neh?
    E gostei da resenha, ficou claro que você se envolveu com a história, gostei dos comentários, claro que já o coloquei na minha lista de leituras!

    Beijokas

    Livros & Fuxicos

    http://livrosefuxicos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Eu vi hoje no youtube sobre esse livro!
    Achei o máximo!
    Quem nunca levou um pé por causa de um "ridículo"?
    Amei esse clube!
    Quer ler

    ResponderExcluir
  12. Achei incrivel!!!! Muito fofa. Quero ler esse livro, AMEI *-*

    ResponderExcluir
  13. Adorei! Fiquei com gostinho de quero mais!

    ResponderExcluir
  14. Adorei sua resenha! E as suas histórias ali sobre o seu namoro e o casamento também!
    Não tinha lido nenhuma resenha desse livro, e nossa estou com muita vontade de ler!

    Seguindo aqui! Segue de volta?

    Beijos, Kamila.
    http://vicio-de-leitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Adorei a resenha e eu mal posso esperar para ler esse livro! Cada dia minha vontade aumenta mais!

    Gabi
    Livros & Vagalumes

    ResponderExcluir
  16. Amei amei amei a resenha! Não se desculpe pelo post ter sido tão pessoal, a resenha ficou uma graça e me convenceu a querer ler! *-* Parabéns pela resenha tão fofa!

    ResponderExcluir
  17. Ahhh, obrigada pelo apoio Jhenifer! ;-)

    ResponderExcluir
  18. oi Márcia bom aqui é a @valleria_gaion!
    Adorei a resenha ainda não li esse livro mais acho que vou coloca lo na minha listinha!
    Afinal ja cansei de ver minhas amigas mudarem completamente (para pior) por causa de namorados!
    Acho isso tão irritante!
    Acho que irei me identificar com a Penny!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Aaaaaah que resenha mais fofa! A sua história com o seu marido também :') [2]

    Amei a resenha flor!!!
    E com gostinho especial!
    Parabéns

    ResponderExcluir
  20. Awwnnnn, fui citada no post! Que fofo.
    Claro que com essa sinopse eu já ia querer ler o livro, mas você me deixou ainda mais animada.
    E eu digo que existem dois tipos de pessoa no mundo: as que gostam de Beatles e as que não conhecem o suficiente. O repertório deles é tão vasto e encantador que é impossível não achar pelo menos uma música que parece que foi escrita pra você. Só que no caso da Penny isso é literal, né? as músicas realmente contam a história dela, hehe.
    Enfim, já está na lista, claro!

    E essa menção ao seu casamento foi golpe baixo, me emocionei só de lembrar. Foi tão lindo entrar com essa música linda, numa cerimônia mais linda ainda!

    xoxo

    ResponderExcluir
  21. Foi lindo mesmo, né Mary?
    Aposto q vc vai amar o livro!
    xoxo

    ResponderExcluir
  22. Nhaaaa, estou LOUCA pro esse livro! *___*
    Primeiro tem essa capa maravilhosa-linda-perfeita, e depois tem a sinopse, garotas se unindo para desistir de garotos em pleno colegial, eles se sentindo odiados, ahhh! E ainda, depois de tudo isso, tem sua resenha né?! hahaha
    Nem preciso dizer que minha vontade aumentou ainda mais né guria? :P
    Beijoca!

    ResponderExcluir
  23. A senhorita pooooode fazer mais resenha pra gente, dona Marcia! Saudade já!


    Beijinho!
    Passa lá no blog, tem post novo!
    http://tiny.cc/dbvys

    CORREIO FELIZVROS #4:Cheio de novidades legais e muitos livros para futuras RESENHAS e SORTEIOS!

    ResponderExcluir

Não é permitido comentários anônimos neste blog;
Os comentários estão sujeitos à moderação.